Nota de solidariedade com a família, amigos e companheiros/as de Marielle Franco

Posted on 15/03/2018

0


A Federação Anarquista do Rio de Janeiro vem a público se solidarizar com a família, amigos/as e companheiros/as de partido e Marielle Franco, militante e vereadora do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL). Também nos solidarizamos com a família de Anderson Gomes, motorista de Marielle e também assassinado no dia 14.

Marielle tinha um histórico de militância a favor dos direitos humanos e pela garantia dos direitos sociais das favelas e seu assassinato tem todas as características de uma execução. Some-se a isto, o fato de Marielle ser integrante da comissão da ALERJ que acompanhava a intervenção militar e federal no Rio de Janeiro, o que torna o fato,
ainda mais suspeito.

Sabemos que o período sombrio em que vivemos: a atual intervenção militar, que agrava o processo de genocídio da população negra nas favelas cariocas; o avanço neoliberal que agrava a desigualdade social em todo país; a retirada dos direitos sociais dos trabalhadores do campo e da cidade. Todas essas medidas vem sendo acompanhada com a criminalização das lutadoras e lutadores sociais que se erguem em defesa do povo.

São constantes as ameaças que vem sendo feitas à militância que vem denunciando os crimes hediondos que vem sendo cometidos pelo Estado brasileiro. Mas não irão nos amedrontar.

Exigimos a imediata investigação de sua morte. Exigimos justiça para Marielle Franco!

Jamais perdoar, jamais esquecer!
Lutar não é crime!

Anúncios
Posted in: notas