Solidariedade à Ocupação da PUC-SP

Solidariedade à Ocupação da PUC-SP!

Por Federação Anarquista do Rio de Janeiro (FARJ)

Afirmamos que a ocupação da reitoria da PUC-SP é legítima! Apoiamos os ocupantes que, por meio da ação direta, fizeram-se ouvir, exigiram uma satisfação da reitoria, além de participação nas discussões do processo de “Redesenho”. Os frutos podres dessa “readequação financeira e acadêmica” já podem ser vistos, por exemplo, na demissão de centenas de trabalhadores ocorrida em 2006.

A luta de ação direta colocada em prática é daqueles que não estão na burocracia e na direção da universidade e que fazem questão de ser ouvidos, fazem questão de participar da gestão da universidade. E não há forma melhor do que a ação direta para esta reivindicação, quando os canais dados pela burocracia são colocados de lado e os interessados fazem, eles mesmos, suas reivindicações sem intermediários, sem processos burocráticos e sem lideranças aparelhistas que somente visam sua própria promoção.

Reivindicações como o aumento do número de bolsistas, a rematrícula dos inadimplentes e a crítica à universidade voltada ao mercado nos parecem muito legítimas e possuem um caráter importantíssimo de não restringir a universidade às elites. Para nós, o processo de libertação passa, necessariamente, pela descentralização da educação, retirando-a das mãos da classe dominante (seja ela a classe de capitalistas ou a intelligentsia). Devemos lutar para que isso aconteça em todos os níveis.

Fazemos votos para que o movimento estudantil de São Paulo cresça, continue a atuar da maneira combativa que mostrou nesta ocupação e que não considere os ganhos de curto prazo que podem chegar, como fim em si mesmos. Acreditamos que a mobilização e a luta que acontecem agora devem ser apenas o início de um movimento forte, duradouro e combativo, que busque não só as conquistas para os estudantes e trabalhadores da universidade, mas que se aprofunde, que se conecte com outras lutas e que busque um futuro novo, de liberdade, que só virá depois de muita organização e luta!

A repressão à ocupação e a entrada da polícia na universidade mostram novamente que os poderosos, ao sentirem-se ameaçados, gozam do benefício de um Estado que está sempre a favor dos dirigentes da sociedade de classes.

Lamentamos o fato de alguns indivíduos e grupos anarquistas que estão dentro da universidade, não se posicionarem de forma clara em relação ao assunto, apartando-se da luta e omitindo-se; uma situação que só favorece o status-quo. Para nós, o anarquismo só tem alguma serventia se servir como ferramenta de luta, e, para nós, a luta dos puquianos é uma luta legítima!

Demonstramos aqui nossa solidariedade para com os estudantes e trabalhadores mobilizados e, por mais que estejamos distantes, acreditamos que nossa luta deve ser uma só!

Federação Anarquista do Rio de Janeiro (FARJ)
http://www.farj.org
Novembro de 2007

Be the first to start a conversation

Deixar um Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: