[CELIP] Bakunin, Malatesta e o debate da Plataforma – 16 de Fevereiro

Posted on 09/02/2017

0


O documento “Plataforma Organizacional da União Gera dos Anarquistas”  é um dos documentos mais mal incompreendidos da história do anarquismo. Foi publicada originalmente na França, em 1926, na revista Dielo Truda, pelo Grupo de Anarquistas Russos no Estrangeiro, do qual participavam Nestor Ivánovitch Makhno, Piotr Andreyevich Arshinov, Ida Mett (pseudônimo de Ida Gilman), Jean Walecki (pseudônimo de Isaak Gurfinkiel) e Maxime Ranko (pseudônimo de Benjamin Goldberg).  É um dos documentos políticos mais importantes da história do anarquismo e frequentemente se acusa a plataforma de conter um suposto teor autoritário ou que seria uma ruptura com as propostas políticas do russo Mikhail Bakunin. Esse tipo de interpretação por muito tempo hegemonizou o debate em torno deste documento no Brasil. Neste CELIP, baseado na introdução da edição em francês de Anarquismo Social e Organização, da Federação Anarquista do Rio de Janeiro procuraremos discutir a questão da organização política específica anarquista, a partir das contribuições de Mikhail Bakunin, Errico Malatesta e da “Plataforma Organizacional da União Geral dos Anarquistas”.

Texto disparador: Felipe Corrêa e Rafael V. da Silva “Bakunin, Malatesta e o Debate da Plataforma”

celip_fevereiro1

Anúncios
Posted in: celip